Aba 1

    

Postado em 10 de Setembro de 2018 às 09h54

Ei ciclista, já se hidratou hoje?

Se hidratar não é besteira, esse é um fator fundamental para que você tenha um bom desempenho. Quanto mais calor, umidade e altitude houver, maior se torna a importância da hidratação no ciclismo. Os órgãos mais sensíveis à desidratação são os que têm maior proporção de água, como o cérebro, fígado e músculos, causando fadiga muscular, cãibras, esgotamento, perda de sentidos e inclusive a morte. Uma perda excessiva de líquido, a desidratação, prejudica o rendimento e tem um efeito desfavorável sobre a saúde.
A desidratação submete a um esforço excessivo o coração, os pulmões e o sistema circulatório, o que significa que o coração terá que trabalhar com mais força para bombear o sangue a todo o corpo. A prática do exercício se torna mais difícil à medida que diminui o volume de sangue e se eleva a temperatura corporal. A desidratação diminui o rendimento porque diminui a obtenção de energia aeróbica pelo músculo e reduz a força.
A hidratação com os carboidratos presentes nas bebidas isotônicas são excelentes para a manutenção dos níveis glicêmicos o que leva o ciclista a ter um bom desempenho na prática do ciclismo. Além disso a adição de sódio e açúcar na água são importantes e são comumente encontrados em bebidas isotônicas. Em termos fundamentais os isotônicos são compostos por água, sódio, cloro, potássio, cálcio, carboidratos além de outros eletrólitos.
Os carboidratos irão atuar como repositores de energia e também no retardamento do surgimento da fadiga muscular sem contar que melhora e muito o paladar dos isotônicos. Os tipos de bebidas isotônicas mais usadas pelos ciclistas são a sacarose, glicose, frutose e a maltodextrina.
O ciclista deve beber água antes, durante e depois do exercício. Antes deve beber meio litro nos 30-60 minutos que antecedem o exercício. Durante a ingestão de água de ser de um litro para cada hora de exercício. E depois o ciclista deve beber meio litro para cada quilo de peso perdido. Como média aproximada devemos consumir líquido até que a urina seja abundante e transparente.
Já pegou sua garrafinha? Então bom pedal!

Veja também

Pedalar é proteger as florestas17/07/18 Você já pedalou em meio a mata, sentindo o ar puro, o cheiro de terra, o pulsar da vida? Essa conexão com a natureza, com os animais, com as florestas é a maneira mais forte de viver a vida intensamente. Quando nos conectamos com esse universo estamos prontos para entender a necessidade de cada elemento da natureza e como devemos respeitá-los e protegê-los. Para ressaltar essa......
Pedalar com coragem para enfrentar a vida de modo leve02/01/19 Cada vez mais as bicicletas ganham espaço no mundo todo. Além de ser uma ótima solução para o trânsito, e importantes ferramentas para um mundo sustentável, é uma escolha de vida, que transcende e nos......
A escolha dos indivíduos para a sua mobilidade urbana28/08/18 Segundo a pesquisa Perfil do Ciclista Brasileiro, realizada pela ONG Transporte Ativo, 42,9% da população considera ?rapidez e praticidade? o principal motivo para adotar a magrela como modo de locomoção. Em seguida, vêm saúde (24,2%) e custo (19,6%). A......

Voltar para Notícias