Aba 1

    

Postado em 23 de Agosto de 2018 às 12h06

Conhecer o Brasil através de cicloviagens

Já planejou sua próxima viagem de bicicleta? Ainda não? Então, o que acha de conhecer um pouquinho mais o nosso país?! Destacamos 10 lugares pelo Brasil que são perfeitos para viajar de bicicleta e aproveitar o contato com a natureza. Mas para essa aventura será necessário muita força, disposição e tranquilidade, respeitando os limites do corpo, além disso, muita água, é claro.
Se em outras viagens a diversão só começa ao chegar no destino, em uma cicloviagem, essa lógica se inverte. A parte principal é o caminho percorrido, o ponto de chegada é o fim do passeio. De bike é possível apreciar as flores, riachinhos, plantas desconhecidas, animais selvagens que podem (ou não) dar o ar da graça, o que é difícil usando um meio de transporte motorizado.
Uma grande vantagem do cicloturismo, é a preocupação com a preservação do meio ambiente, seja no uso de meios de transporte sustentáveis, no caso a bicicleta, ou na preocupação dos viajantes em cuidar do ambiente que está percorrendo, fazendo descarte consciente do próprio lixo, por exemplo.
Em uma viagem de bike, é preciso praticar o desapego, afinal não dá pra levar uma muda de roupa para cada dia, nem todos os produtos de higiene que está acostumado a usar em casa no dia-a-dia. Ao experimentar esse modo de vida mais simples na estrada, pode nos inspirar a simplificar também o cotidiano.
Esses são alguns lugares que você pode conhecer com sua magrela:
1. Serra da Canastra (MG)
O Parque Nacional da Serra da Canastra e dezenas de reservas ecológicas particulares na região têm estradinhas de terra que dão acesso a cachoeiras e mirantes belíssimos, muito procurados por cicloturistas e travessias a pé.
2. Circuito das Araucárias (SC)
Este percurso está bem sinalizado com placas ao longo dos seus 250 km de estrada de terra, que começa e termina em São Bento do Sul. Entre as atrações, estão as florestas de araucárias, coníferas da Mata Atlântica do sul do Brasil que estão em extinção a Rota das Cachoeiras e a área de proteção ambiental dos Campos do Quiriri.
3. Circuito Vale Europeu (SC)
Os 350 km de estradas de terra tranquilas formam o primeiro roteiro brasileiro planejado para o cicloturismo. O circuito passa por pequenos vilarejos construídos por imigrantes europeus no final do século 19.
4. Parque Nacional de Aparados da Serra, Serra Geral e São Joaquim (RS/SC)
Os três parques nacionais somam mais de 40 mil hectares na fronteira entre Rio Grande do Sul e Santa Catarina. É possível acampar em um ou dois lugares diferentes e usá-los como base para explorar as montanhas e cânions em volta. São diversas trilhas que podem ser percorridas de bicicleta, que passam pelos 64 cânions da região.
5. Circuito Costa Verde e Mar (SC)
Uma rota de cicloturismo que passa pelo litoral catarinense. Nela, ciclistas pedalam com vista para o mar e passam por pequenos vilarejos no interior do estado de Santa Catarina. São 270 km que passam por estradas de terra e vias urbanas, com o mínimo de rodovias.
6. Estação Ecológica Juréia ? Itatins (SP)
A estrada é de terra, mas é boa e não são permitidos carros, o que torna tudo mais seguro. O caminho desce pela úmida e exuberante Serra do Mar até a vila Barra do Una, à beira da praia.
7. Estrada do Sol (SP)
Essa estrada de 75 km de Salesópolis à estrada Rio-Santos entre as cidades praianas de Caraguatatuba (+10 km) e São Joaquim (+17 km). Ela é também conhecida como ?Estrada da Petrobrás?, usada em algumas ocasiões por funcionários da empresa. Na maior parte do tempo, as bicicletas são os únicos veículos nessa rota que passa por dentro do Parque Estadual da Serra do Mar.
8. Caminho da Luz (MG)
Esta rota de 200 km passa por Minas Gerais quase na fronteira com Espírito Santo e Rio de Janeiro. Ela começa na cidade de Tombos e termina em Alto Caparaó. As vias são, em sua maioria, de estrada de terra, e cortam distritos pequenos e muita natureza.
9. Estrada Real (MG)
A Estrada Real passa por diversos parques nacionais e estaduais, tem dezenas de cachoeiras, cidades charmosas, boa gastronomia e sítios arqueológicos.
10. Serra da Mantiqueira de Monte Verde (MG) a Mauá (RJ)
O caminho pelas estradas de terra do sul de Minas até o interior do Rio de Janeiro passando por Campos do Jordão em São Paulo percorre uma parte da imponente Serra da Mantiqueira. Passa por cidadezinhas pequenas, cachoeiras, o Pico dos Marins e o impressionante Parque Nacional do Itatiaia, que termina nas cachoeiras de Mauá.
Opções não faltam! Agora é se preparar, verificar se está tudo ok com você e com sua bike, e partir para a aventura!

Veja também

365 dias15/04 Dias de chuva, ensolarados, dias que vão e vem. Ao todo, precisamos de 365 momentos para fechar um ciclo e iniciar um novo período. Neste ano que se passou, vivemos dias que fizeram com que os nossos desejos valessem algo. Do tormento, ao dia de sol, sempre sob duas rodas. E que bela trajetória acompanhado pela bicicleta. Aos ciclistas, que buscam o equilíbrio para se manter em......
História da Bicicleta29/03/18 O alemão Barão Karl Von Drais pode ser considerado o inventor da bicicleta, pois, em 1817 ele implementou um brinquedo que se chamava celerífero, desenvolvido pelo Conde de Sivrac em 1780. O celerífero construído em madeira......
O caminho do agora11/12/18 Uma viagem para dentro de si mesmo, traz a tona sentimentos e anseios que conectam aventureiros do mundo todo, independente da modalidade. O viajante Matias Tartiere chega como personagem principal a bordo da gravel bike da Soul, SPRY. Juntos seguem rumo......

Voltar para Notícias